Braz Cubas inova e transforma a educação superior

Primeiro, no curso de Administração. E em 2018, será a vez da Licenciatura em Pedagogia.

 


A proposta é semear, aos poucos, uma nova cultura de ensino e aprendizagem.

Nos próximos anos, a Braz Cubas planeja transformar a educação em todos os cursos da instituição. Com novas metodologias de ensino e de aprendizagem, aliadas à tecnologia. Para isso, o primeiro passo foi dado. Desde o começo do ano, quem estuda Administração na Braz Cubas participa do projeto TED – Transformando a Educação. E como essa transformação ocorre?

Braz Cubas inova e transforma a educação superior (Foto: Marcus Gonçalves)

O TED conta com o apoio metodológico de importantes organizações que se dedicam a estudar modelos inovadores de ensino e de aprendizagem. No curso de Administração, isso se traduz na forma como está estruturado. Numa primeira etapa, profissionais da Universidade Braz Cubas foram a campo conversar com RHs de empresas públicas e privadas para compreender o perfil ideal dos eventuais candidatos. Quais as habilidades e competências essa pessoa precisa para se destacar numa seleção. Entre as principais características estão: capacidade de solucionar problemas, excelente comunicação interpessoal, iniciativa e capacidade de negociação. A partir dessas informações, definiu-se o conteúdo do que precisa ser transmitido aos estudantes. E, principalmente, garante-se aos alunos um alinhamento com o mercado o que oferece mais chances de empregabilidade, um dos três pilares da Braz Cubas.

Braz Cubas inova e transforma a educação superior (Foto: Marcus Gonçalves)

Braz Cubas inova e transforma a educação superior (Foto: Marcus Gonçalves)

Neste modelo, acabam os semestres sequenciais e surgem os blocos temáticos. Cada bloco é composto por unidades, em substituição às disciplinas. E, nessas unidades, o estudante exercita as habilidades e competências, apontadas pelo mercado. “Acabam disciplinas, currículo pré-estabelecido e, a maior mudança, que é a nova forma de avaliar os estudantes. Queremos despertar o interesse genuíno do aluno de estar em sala de aula, por isso, até a presença com chamada é desnecessária. A avaliação, por meio de provas como é hoje, perde sentido”, explica José Maria Silva Junior, Relações Institucionais da Braz Cubas.

A implantação do TED significa que os estudantes são avaliados por desempenho, num programa personalizado para aumentar o nível de aprendizagem. A meta é que esse índice seja de, no mínimo, 85%. Por isso, o aluno precisa ser sincero consigo mesmo nas avaliações e atividades presenciais, online e por projeto. E buscar o reforço oferecido pela instituição, quando necessário.

Silva explica que, geralmente, o objetivo da educação é proporcionar um bom ensino, mas isso não garante boa aprendizagem. E um dos pilares da Braz Cubas é a aprendizagem, não só no curso de Administração, mas em todos os seus 25 cursos. Para garanti-la, o professor passa a desempenhar um novo papel, tornando-se um facilitador do ensino, extremamente fundamental, mas não o único envolvido na aprendizagem. Porque na Braz Cubas o aluno é protagonista e tem acesso a outras ferramentas como a própria internet – com uma infinidade de conteúdos – além de explorar as atividades propostas no ambiente virtual, como um complemento nesse processo de assimilação do conteúdo.

Outro pilar da Braz Cubas é a inovação e ela é explorada em duas vertentes: inovação metodológica e tecnológica. A instituição desenvolveu novas metodologias baseadas em cases, soluções de problemas, aprendizado pelo projeto, entre várias outras. Já a inovação tecnológica entra como elemento agregado, podendo aumentar a qualidade do aprendizado porque se torna mais um componente desse ciclo. “Sabemos que cada pessoa aprende de uma forma: algumas são auditivas, outras visuais. Outras aprendem fazendo. Por isso, com o auxílio da tecnologia, vamos buscar estímulos diferentes que deixem os estudantes motivados para explorar sua máxima potencialidade, num programa quase que customizado”, complementa Silva.

Inovação, aprendizagem e empregabilidade são os três pilares da Braz Cubas e, com essa base, o projeto TED chega em 2018 ao curso de Pedagogia. Ele seguirá os mesmos moldes do que vem sendo feito este ano no curso de Administração, com blocos no lugar de semestres, unidades substituindo disciplinas e um sistema de avaliação diferenciado, baseado no desempenho dos estudantes.

Um dos desafios foi desenhar um processo de aprendizagem que garanta e amplie a empregabilidade dos profissionais formados em Pedagogia. Por isso, o estudante será estimulado a ser um empreendedor. “O que buscaremos na Pedagogia é o que os novos professores exercitem formas diferentes de ensino, uma atuação personalizada. Sabemos que as salas não são homogêneas. Então, o aluno precisa ser enxergado na sua potencialidade. E não há uma forma única de estimular a todos”, ressalta Silva. Some a isso o acesso cada vez mais cedo à tecnologia. A criança chega à escola com celular. E o novo profissional da educação precisa se preparar para essa realidade. A Pedagogia da Braz Cubas estará focada em soluções para a educação, independentemente do nível de aprendizado.

O Processo Seletivo para todos os cursos da instituição já está com inscrições abertas. As aulas para os calouros começam no dia 5 de fevereiro de 2018. O site da Universidade Braz Cubas para outras informações é o www.brazcubas.br

Deixe um comentário